Blog do Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

Aquecimento global é sério!

1 comentário

O Clima é a primeira das preocupações do atual Secretário-Geral da ONU, Ban-ki Moon. Isso porque o aquecimento global é muito mais grave do que poderia parecer. A revista Scientific American publicou estudo que evidencia como são subestimados os danos sociais decorrentes da emissão de dióxido de carbono. Já se mencionou a cifra de 21 dólares por galão de 3,8 litros de derivados de petróleo. O prejuízo por essa emissão chega a 900 dólares, ou seja: 45 vezes mais.

O Brasil, como sempre, é pródigo nas propostas. Foi criado um Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais – Cemaden. Nele, 75 cientistas poderão alertar 25 cidades com 12 horas de antecedência sobre inundações. Com 2 a 6 horas de antecedência, prevenir quanto a deslizamentos de morros e encostas. Só em São Paulo, de acordo com o IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas, 115 mil pessoas vivem nessas áreas de risco.

Os eventos ligados ao aquecimento global causaram 2 mil mortes em um ano. Por isso é que é urgente passar do discurso para uma prática séria. Infelizmente, o governo acena reduzir o IPI de veículos menos poluentes. Mas em 2009 deu R$ 1,75 bilhão em reduções do mesmo imposto para estimular a venda de qualquer tipo de carro. E já permitiu que o crédito chegasse a 72 meses para que cada um tenha o seu carrinho! Enquanto isso, a seguradora Munich Re apurou que em 950 catástrofes ocorridas em 2010, foram pagos 37 bilhões de dólares de indenização!

Os ouvidos continuam surdos e não ouvem o que aconteceu na Austrália, com secas e inundações inéditas. No Paquistão, 20 milhões de desabrigados pelas cheias. O calor insólito matou milhares na Rússia e na China, 630 mil pessoas ficaram sem água potável em cinco províncias do Rio Yant-tsé. Aqui no Brasil, ninguém se lembra da tragédia do Rio, ocorrida neste verão? Só para comparar, o Japão já reconstruiu as cidades atingidas pelo tsunami. Aqui, suspeita-se de desvio das verbas disponibilizadas para minorar a catástrofe. A velha corrupção mostrando que não é a natureza que se deteriora. Mais nefasta é a podridão da mente humana.

José Renato Nalini é Desembargador da Câmara Especial do Meio Ambiente do Tribunal de Justiça de São Paulo. E-mail: jrenatonalini@uol.com.br.

Anúncios

Autor: Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

Um pensamento sobre “Aquecimento global é sério!

  1. Desembargador, minha pergunta não está diretamente ligada ao seu artigo, mas é que acompanho o seu blog e twitter e vejo que o Senhor está sempre bem informado sobre as questões ambientais. O que o Senhor pensa sobre a construção de Belo Monte? Ora leio um artigo contra, ora outro em favor da usina. Vídeos também se multiplicam pela internet. Ficamos sem saber onde buscar informação confiável e fica difícil formar uma opinião sobre o assunto. Obrigada! Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s