Blog do Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

Quem crê tem caráter

3 Comentários

A prestigiada revista Nature realizou uma pesquisa com equipe internacional e concluiu que o crente é mais honesto do que o não crente. Não é bem assim, mas é o que os resultados indicam. A crença em Deus pressupõe que ele premie os bons e puna os maus. A partir daí, quem acredita num Criador a quem precisará prestar contas quando morrer, tende a ser mais cumpridor de seus deveres.

Isso foi o que apuraram Benjamin Purzycki, da Universidade da Colúmbia Britânica, no Canadá e seus pesquisadores auxiliares. O resultado é sujeito a críticas, pois apenas 591 pessoas participaram do projeto como pesquisados. Pertencem a oito comunidades espalhadas pelo mundo, uma das quais a Ilha do Marajó, no Brasil.

A verdade é que sempre se acreditou que a ética amparada por uma crença no transcendente é um poderoso instrumento de preservação das boas intenções e da retidão de conduta.

Vale a clássica indagação: Se Deus não existe, por que ser bom? Qual a vantagem de se submeter às restrições do comportamento irrepreensível, se – aparentemente – é sempre o mal que prevalece e a bondade sempre sai prejudicada na Cidade dos Homens?

A convicção de que esta vida terrena, tão frágil e tão curta, é apenas peregrinação e que há um outro estágio a nos esperar depois que a deixarmos é um lenitivo e um estímulo.

Lenitivo para as agruras e sofrimentos dos quais não conseguimos nos livrar. Estímulo a que se faça uma espécie de compensação no outro lado da vida.

Por isso é que admiro as pessoas que se dizem agnósticas ou que não têm a graça da fé, professam o ateísmo e, ainda assim, são modelos de virtude. A força que as mantém é fruto de sua própria índole, sua racionalidade, seu compromisso gratuito, espontâneo e valioso com o bem.

Não se submetem à “contabilidade” vigente, que nos torna correntistas de Deus, a quem iremos pedir recompensa pelo bem praticado. Por sinal Kant já dizia que cumprir um comando por medo ou sem acreditar nele seria moralmente o mesmo que desobedecê-lo.

O ser humano, que se considera racional, deveria ser bom de qualquer maneira. Mas se Deus estiver atento, melhor ainda.

Fonte: Jornal de Jundiaí | Data: 31/03/2016
JOSÉ RENATO NALINI é secretário da Educação do Estado de São Paulo. E-mail: imprensanalini@gmail.com.

 

Anúncios

Autor: Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

3 pensamentos sobre “Quem crê tem caráter

  1. Importante é ser honesto, independentemente de crença.

  2. Pensando que se partisse da ideía de que o mundo só tem coisas ruins, e que cada vez mais caminhamos para um abísmo de total decadência nos princípios básicos que sustetam a vida e a nossa evolução neste mundo, poderia dizer que o fim deste mundo já estaria celebrado há muito tempo.
    Então a existência de uma força que constituiu todo o universo e fez com que pudessemos estar aqui com o claro objetivo de evoluirmos não pode ser mera coincidência. A definição de caráter não digo que está atrelada aquilo que acredita e sim aquilo que se realiza e dá forma ao que sou através do respeito e do amor que coloco no que é preciso para servir com mais eficiência ao outro sem me apegar pela reciprocidade. O caráter para um homem é o que faz dele um homem.

  3. Seria honesto e bom, crer que os homens criam leis para não cumpri-las? Que existe algo superior que a tudo comanda, inclusive as mazelas de uma vida fadada a viver sem estômago e ainda sem a oportunidade de exercer atividade compatível com sua deficiência? Que uma apessoa que além de ser deficiente, tem que ser cega o suficiente para não enxergar a deficiência que a vida lhe impôs, somente porque alguns poderosos saudáveis assim o querem? O caráter de um homem é o caráter que fazem crer que ele o tem? Princípios e poder…nada é o que vemos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s