Blog do Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

O trânsito homicida

Deixe um comentário

Em 2014, 43.075 óbitos e 201.000 feridos hospitalizados. Em 2015, o seguro DPVAT pagou 42.500 indenizações por morte e 515.750 por invalidez. A estatística da morte no trânsito não para de crescer. O tema é de eloquente relevância e gravidade. Em 20 de agosto de 2015, instituiu-se o Programa Movimento Paulista de Segurança no Trânsito. Nasceu sob inspiração da Década de Ação pela Segurança Viária, instituída pela ONU entre 2011 e 2020.

Os acidentes figuram entre as maiores causas de morte ou invalidez no Brasil. 40% das mortes na faixa etária entre 0 e 14 anos ocorrem por causa de acidentes em que a vítima é pedestre, ciclista ou ocupante de veículo. Cerca de 90% poderiam ser evitados, houvesse mais atenção e a população levasse a sério a educação no trânsito.

A Secretaria da Educação estimula os docentes a trabalhar com o tema “Trânsito” de forma transversal e articulada ao currículo. O objetivo é fazer com que os estudantes desenvolvam senso crítico sobre o tema, reflitam sobre o conceito de trânsito e sua abrangência, a envolver solidariedade, responsabilidade e legislação. Promove-se no cotidiano situações que levem o aluno a observar, explorar, analisar e debater a produção de conhecimento sobre os lugares por onde circulam, bem como os modais que favorecem o acesso a tais lugares.

A criança é mais sensível para não só adotar hábitos e comportamentos mais seguros, transformando os conceitos em ação, como também para despertar a mesma consciência junto aos adultos, principalmente os pais.

Em parceria com o Detran, a Secretaria da Educação promoverá série de videoconferências com a rede pública estadual. Além de divulgar as estatísticas e pesquisas, haverá encontros temáticos, com a presença de usuários de bicicleta e skate. Além disso, existem as oficinas temáticas, espaço de construção coletiva do conhecimento. Uma interessante oficina virtual será a dos “Jogos pela Mudança”, iniciativa criada pelo Jogo da Vida em Trânsito. Neste ano foi lançada a área de conteúdos digitais de educação para o trânsito no Currículo +, plataforma lançada em fevereiro de 2014 e exitosa em seus propósitos.

Quem é que ainda não perdeu alguém no caótico trânsito paulista? Todos somos chamados a protagonizar essa cruzada contra a produtora de mortes precoce que é a direção perigosa.

Fonte: Jornal de Jundiaí | Data: 03/08/2016
JOSÉ RENATO NALINI é secretário da Educação do Estado de São Paulo. E-mail: imprensanalini@gmail.com.

Anúncios

Autor: Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s