Blog do Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

O Brasil precisa saber

Deixe um comentário

São Paulo tem centenas de milhares de profes­sores. Só a Rede Pública Estadual tem 230 mil do­centes. A despeito das dificuldades agravadas por uma policrise que está longe de terminar, a imensa maioria dos mestres prossegue na missão de ensinar e desen­volver o aprendizado de nossas crianças e jovens.

Há inúmeros heróis anônimos nas salas de aula, principalmente na escola pública. Há milagres aconte­cendo todos os dias, nos três turnos do ensino, mercê do empenho e da paixão de quem se propôs a ensinar.

Mas nem todos sabem que isso ocorre. O Prê­mio “Professores do Brasil” está em sua décima edi­ção. Os docentes paulistas nem sempre concorrem. Agora é a hora de alavancar as inscrições e mostrar ao Brasil o que São Paulo faz e sempre fez com excelên­cia. O Prêmio se propõe a reconhecer, divulgar e pre­miar o trabalho de professores de escolas públicas de educação básica que contribuem para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem. O propósito é valorizar os professores da Rede Pública que têm cria­tividade, engenhosidade e audácia para experimentar novas estratégias.

A participação dará visibilidade a experiências pedagógicas consideradas exitosas e que possam ins­pirar outros professores, os sistemas de ensino e as instituições formadoras.

São seis categorias que podem concorrer: cre­cheeducação infantil, pré-escola, Ciclo de Alfabetiza­ção – do 1º aos 3º anos iniciais do Ensino Fundamental, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental, do 6º ao 9º ano, os anos finais do Ensino Fundamental e a última cate­goria é o Ensino Médio.

Na etapa estadual, os 486 trabalhos seleciona­dos pelos comitês estaduais receberão certificados em homenagem ao seu desempenho e os 162 professores selecionados como o melhor de sua categoria passarão para a etapa regional.

Na etapa regional, os 30 vencedores receberão, cada um, R$ 7 mil (sete mil reais) e troféus. As escolas dos 30 vencedores também serão premiadas com pla­cas comemorativas e equipamentos de informática e softwares com conteúdo educacional. Na etapa nacio­nal, cada um dos seis vencedores – um por categoria – da etapa nacional receberá R$ 12 mil reais e o troféu.

Haverá premiação em temáticas especiais. Quem concorre na categoria pode se inscrever uma vez mais e se inscrever em uma das quatro temáticas especiais: 1. Esporte como estratégia de aprendizagem. Ativida­des pedagógicas que representem efetivas soluções de transformação por meio do esporte e seus valores. Se­rão premiados até 5 professores de Educação Física com visitação ao Núcleo de Alto Rendimento Espor­tivo de São Paulo. As escolas dos relatos vencedores receberão ainda um kit de miniatletismo.

A 2ª temática especial é Conservação e Uso Consciente da água. Atividades pedagógicas que de­monstrem incentivo à conservação dos recursos hídri­cos, à reflexão sobre o uso consciente da água. Serão premiados até 6 professores e o prêmio constituirá a participação no Fórum Mundial da Água em 2018, a ser realizado em Brasília.

  1. Uso de Tecnologias de Informação e Comu­nicação no processo de inovação educacional. Busca premiar atividades que utilizem as tecnologias da in­formação e comunicação como ferramenta de ensi­no-aprendizagem. Três professores receberão, cada um, R$ 5 mil.
  2. Estímulo ao conhecimento científico no Ensi­no Médio. A intenção é premiar relatos que demons­trem inovação em sala de aula por meio de práticas e experimentos científicos que estimulem o interesse dos alunos pela área de Ciências e Matemática. Será premiado um professor do Ensino Médio que receberá uma viagem para a Inglaterra em 2018.

As inscrições estão abertas até 25 de agosto. Para saber mais, o interessado deverá acessar pre­mioprofessoresdobrasil.mec.gov.br. Haverá até um aplicativo para facilitar a inscrição. Os professores de São Paulo têm muito o que mostrar e o Brasil pre­cisa saber disso!

Fonte: Correio Popular de Campinas| Data: 19/05/2017

JOSÉ RENATO NALINI é secretário da Educação do Estado de São Paulo. E-mail: imprensanalini@gmail.com.

63d93b9839d27b790e6435fec6e85557

Anúncios

Autor: Renato Nalini

Secretário da Educação do Estado de São Paulo, Imortal da Academia Paulista de Letras e Membro da Academia Brasileira da Educação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s