Blog do Renato Nalini

Ex-Secretário de Estado da Educação e Ex-Presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo. Ex-Presidente e Imortal da Academia Paulista de Letras. Membro da Academia Brasileira de Educação. Atual Reitor da UniRegistral. Palestrante e conferencista. Professor Universitário. Autor de dezenas de Livros: “Ética da Magistratura”, “A Rebelião da Toga”, “Ética Ambiental”, entre outros títulos.

Biodiversidade foi condenada à morte

1 comentário

Não se prestou atenção ao julgamento, mas secreto ele não foi. O resultado foi a condenação à morte de quem já se encontrava agonizando: a biodiversidade. É o que consta de quatro relatórios divulgados pelo IPBES, Plataforma Intergovernamental que congrega mais de quinhentos pesquisadores encarregados de avaliar o conhecimento científico sobre a biodiversidade. Não é apenas um inventário, mas é também a aferição dos serviços ecossistêmicos: aquilo que de forma espontânea e gratuita, a natureza oferece para a missão heroica de preservar a vida no planeta.

A perda da biodiversidade impacta a qualidade de vida de todos os humanos. A constatação é trágica: há uma degradação generalizada. Provocada por redução de habitats, superexploração e uso insustentável dos recursos naturais, poluição da terra, da atmosfera, do solo. Mais ainda: aumento em número e grau do impacto de espécies invasoras. Tudo a contribuir para acelerar a nefasta previsão que o horizonte permite vislumbrar: o fim da vida no Planeta.

Como a humanidade só raciocina em termos de preço, os pesquisadores converteram em dinheiro os serviços prestados pela natureza. Para as Américas, estima-se em mais de vinte e quatro trilhões de dólares, ou setenta e nove trilhões de reais, o custo anual dos serviços prestados pela natureza terrestre. Isso equivale ao PIB – Produto Interno Bruto – de toda a região. 65% dessa contribuição estão em declínio. 21% tendem a desaparecer em breve.

É uma região rica por natureza. Não foi o homem que fez com que essa parte do globo abrigasse nada mais do que sete dentre os dezessete países com maior biodiversidade do mundo. O Brasil é um deles. A América dispunha das mais extensas áreas selvagens do mundo e ostentou a capacidade de produzir materiais naturais benéficos à espécie humana.

Enquanto abrigam 13% da população mundial, as Américas têm potencialidade de 40% de toda a capacidade dos ecossistemas planetários.

Mas ninguém está prestando atenção nisso. Na escala micro, as pessoas pensam que uma atitude sua é irrelevante. Culpam o governo pela sujeira, pela ignorância, pelos maus tratos infligidos – covardemente – a quem não pode reagir. Continuam a destruir, a desperdiçar, a matar.

Os pesquisadores constataram que já foram destruídas 31% das espécies que existiam nas Américas no século XVI, quando a “civilização” chegou aqui. Nesse ritmo, dentro em poucos anos só restará a crudelíssima espécie humana. E ela não terá como respirar, como comer, como se higienizar. Seu desaparecimento não poderá ser considerado uma grande perda para o Planeta. Ele continuará a existir. Mas prescindirá do ser humano para isso.

JOSÉ RENATO NALINI é desembargador, reitor da Uniregistral, escritor, palestrante e conferencista

agriculture-2361978_1280

Anúncios

Autor: Renato Nalini

Ex-Secretário de Estado da Educação e Ex-Presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo. Ex-Presidente e Imortal da Academia Paulista de Letras. Membro da Academia Brasileira de Educação. Atual Reitor da UniRegistral. Palestrante e Conferencista. Professor Universitário. Autor de dezenas de Livros: “Ética da Magistratura”, “A Rebelião da Toga”, “Ética Ambiental”, entre outros títulos.

Um pensamento sobre “Biodiversidade foi condenada à morte

  1. “Como a humanidade só raciocina em termos de preço, os pesquisadores converteram em dinheiro os serviços prestados pela natureza. Para as Américas, estima-se em mais de vinte e quatro trilhões de dólares, ou setenta e nove trilhões de reais, o custo anual dos serviços prestados pela natureza terrestre.” – não consigo imaginar esta quantia de dinheiro… são dados impressionantes!!! Que Deus proteja o nosso planeta Terra!!! e ilumine a consciência do ser humano!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s